“CellectAb”: identificando marcadores de células-tronco Tumorais

Conheça a inovadora metodologia denominada CellectAb que permite a rápida identificação de marcadores presentes na superfície de Células-tronco Tumorais, com a geração simultânea de potentes anticorpos específicos que podem ser prontamente utilizados em diversas abordagens terapêuticas contra o câncer.

Conheça a inovadora metodologia denominada CellectAb que permite a rápida identificação de marcadores presentes na superfície de Células-tronco Tumorais, com a geração simultânea de potentes anticorpos específicos que podem ser prontamente utilizados em diversas abordagens terapêuticas contra o câncer. A técnica é uma adaptação da chamada “Phage-display” e utiliza uma biblioteca com uma diversidade enorme de fragmentos Fab (a região do anticorpo que liga ao antígeno), cada um expresso na superfície de um vírus bacteriófago. A biblioteca de vírus é inicialmente misturada com células que não são de interesse, para remover os vírus com Fabs que se ligam a estas células. Em seguida, os virus que não se ligaram às células são misturados com a população de células de interesse (células-tronco tumorais). Os bacteriófagos que se ligam a estas células são selecionados e as regiões Fab são identificadas por sequênciamento, sendo então utilizadas para identificar as proteínas às quais elas se ligam. O processo é rápido e econômico, levando apenas uma semana para identificar os anticorpos, e um mês para produzi-los em quantidade. Uma redução significativa, comparado às 30 semanas utilizadas pelos métodos usuais. Ainda, o fato de se obter a sequência codificadora do fragmento FAB, permite que ela seja utilizada em outras abordagens terapêuticas, como os anticorpos bi-específicos ou as CAR-T Cells (já mencionadas em uma postagem anterior). A abordagem irá acelerar a pesquisa na área e vai nos ajudar na luta contra o câncer. Curta a nossa página Ciência, Tecnologia e Inovação Brasil. e compartilhe a postagem. https://www.nature.com/articles/s41598-018-37462-1

A rapid in vitro methodology for simultaneous target discovery and antibody generation against functional cell subpopulations.

Nixon AML, Duque A, Yelle N, McLaughlin M, Davoudi S, Pedley NM, Haynes J, Brown KR, Pan J, Hart T, Gilbert PM, Singh SK, O’Brien CA, Sidhu SS, Moffat J.

Sci Rep. 2019 Jan 29;9(1):842. doi: 10.1038/s41598-018-37462-1. PMID: 30696911

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *